LOLLA CITY GUIDE: O Melhor de Turks & Caicos, no Caribe

Beatriz Muroch (Eat Your Nuts)

Recém chegada da minha lua de mel, não poderia deixar de escrever para vocês detalhes da viagem que foi completamente inesperada e muito além das expectativas. Isso porque morando em Londres, o Brasil ainda estava na lista vermelha do UK e para voltar para casa teria que enfrentar uma quarentena de 10 dias em um hotel ou simplesmente passar 10 dias fora do Brasil antes de retornar.

Claro, optei pela segunda opção. A escolha do destino foi o ponto ‘surpresa’ de toda a história, porque confesso que queria Maldivas e Tanzânia, mas ambos lugares também estavam na lista vermelha do UK. Pensei em alternativas, queria um destino em que pudesse de fato descansar e ficar de pernas pro ar all day e, então me veio Turks & Caicos na cabeça. Confesso que jamais pensei no destino para passar minha honeymoon, mas me surpreendi demais. Também queria algum lugar que tivesse voos fáceis para retornar à Londres e Nassau se encaixou no requisito, portanto, adicionei 3 noites nas Bahamas e voilá, o roteiro estava fechado!

Na minha ida para o Brasil, quando pousei soube que as fronteiras tinham sido abertas, mas já estava com absolutamente tudo da viagem fechado, então não tinha mais discussão! Assim, hoje divido as minhas dicas e um mini roteiro para vocês que pretendem ou estão de malas prontas para o Caribe e já adianto, É DEMAIS e VALE MUITO A PENA!

Turks & Caicos Islands 

O arquipélago de Turks & Caicos Islands (TCI) é formado por dois grupos de ilhas que ficam a sudeste das Bahamas e ao norte da ilha de Hispaniola (onde ficam o Haiti e a República Dominicana), sendo 9 ilhas habitadas e um número bem maior de ilhas pequenas, além de recifes, bancos e rochas. As principais são Providenciales, Grand Turk, South Caicos, West Caicos e East Caicos. A minha escolha foi Providenciales – comumente chamada de Provo pelos locais – e onde fica o principal aeroporto internacional. Logo ao chegar, você já repara que os motoristas dirigem do lado direito, igual no Reino Unido, isso porque TCI é um território britânico ultramarino, mas oh, já adianto que tudo lá lembra muito mais os Estados Unidos e os americanos.

FIRST IMPRESSIONS

A ilha tem mais turistas americanos e canadenses, mas é comum você encontrar pessoas dos mais variados destinos, já que é uma fuga fácil de muitos lugares como Miami, Nova York, Toronto ou até mesmo Londres. Em geral, é considerada um destino sofisticado, com muitos hotéis de luxo e um turismo menos massificado. Provo é cara, a moeda local é o dólar e é aquela história, preços de ilha, portanto, considere que comer, se hospedar e fazer passeios, não sairá barato! Por outro lado, já adianto que Turks & Caicos me deixou suspirando do momento que estava no avião (o azul que dá pra ver da janela é de ficar arrepiado) até o momento que parti – as águas turquesas cristalinas e praia de areia branca são de enlouquecer e de verdade, me arrisco em dizer que foi de longe a melhor praia que eu fui na vida.

WHERE TO STAY

Como era a minha lua de mel eu resolvi escolher o melhor hotel e investir. Ficamos no Amanyara do grupo Aman, que costuma figurar no topo das listas de “melhores resorts de praia do mundo”. De fato ele é coisa de outro mundo, por isso vou me dedicar nessa seção.

Quarto com acesso à praia

Escondido na ponta mais exclusiva de Provo, ele fica numa reserva natural de 18.000 acres (sim eu sei, é enorme), completamente rodeado pela natureza, águas turquesa do Parque Nacional Marinho North West Point de Providenciales e 800 metros de praia com a areia mais branca e macia possível.

O hotel visa muito proteger a intimidade e privacidade de seus hóspedes e uma das coisas mais legais que percebi é a forma como a circulação de pessoas acontece. Parece que ele está sempre ‘vazio’, quando na verdade trata-se exatamente do oposto, difícil mesmo é conseguir disponibilidade na agenda. A locomoção é toda feita com carrinhos de golfe que você pode pegar carona ou eles providenciam várias bicicletas (estilo Maldivas).

Na hora de escolher o quarto, eles oferecem tanto Pavillions quanto Villas, sendo o primeiro considerado ‘quartos’ porém com o equilíbrio perfeito de espaço outdoor/indoor – funcionam como uma ‘casa’ toda de vidro no meio da mata (casa porque os quartos são grandes). Alguns oferecem piscinas privativas e dois quartos, enquanto outros oferecem caminhos que levam diretamente à praia (que era o caso do meu). Já as Villas são como casas mesmo, com dois a seis quartos sempre situados ao redor de uma piscina negra de borda infinita e deck de madeira. Com vista para lagoas e jardins refletivos, vários oferecem vista para o mar, enquanto outros oferecem acesso direto à praia. Todas possuem cozinheiros pessoais e governantas. 

 

A arquitetura do hotel é um show à parte. Super minimalista, tudo é feito em madeira e cores claras e naturais. É como se eles quisessem ter o menor impacto possível na natureza. A parte central do hotel é um bar, onde você pode tomar drinks deliciosos, comer aperitivos ou desfrutar do chá da tarde que eles oferecem das 15h às 16.

 

Praia do Hotel

WHAT TO DO

Outro ponto muito legal é que o hotel oferece muitas atividades e coisas ‘complimentary’. Na praia você pode fazer snorkeling no coral local, stand up paddleboarding, kayaking e seabob todos os dias. Além disso, refrigerante, água, água de coco, água com gás e cerveja local são free of charge no minibar, sem contar as nuts, chocolates e jujubas.

Ainda dentro do ‘complimentary’, levando em conta que o wellness faz parte das férias perfeitas, eles oferecem para cada quarto (e não por hóspede) uma hora de aula de tênis com um profissional de tênis certificado TELOSTM de nível 1 – caso não tenha raquete, bolinha, tênis, eles providenciam. Há também uma grade semanal que eles entregam no quarto com horários para atividades como yoga, mat pilates e meditação.

Já caso você seja do tipo que não gosta de ficar parado, como extra eles oferecem eco experiences, mergulho, kite safaris, kite boarding, aulas de mixology, private dining, yacht charters e muitas outras coisas.

 

Private Dinner no Hotel

WHERE TO EAT

Normalmente os hóspedes do Amanyara não costumam sair, conhecer Grace Bay (centro de Provo) e jantar fora do hotel. Isso porque é um pouco longe (cerca de 25 minutos) e custa caro sair de lá, já que o serviço de private driver oferecido pelo hotel é caro assim como o táxi local. Como eu sei disso? Bom, eu perguntei, mas eu e o meu marido somos do tipo que queremos conhecer mais da cultura local e experimentar, além de depois de 4, 5 dias hospedados, ‘cansar’ um pouco das opções oferecidas pelo hotel. Por isso, fomos na direção oposta da maioria e jantamos uma noite fora.

Fomos ao restaurante Infiniti Restaurant & Raw Bar que oferece uma cozinha euro-caribenha com ambiente refletindo a atmosfera tropical das ilhas, onde os hóspedes podem jantar apreciando o som das ondas da praia de Grace Bay. Adoramos a experiência e indicamos:

Coco Bistro oferece um menu caribenho continental com os ingredientes locais mais frescos e peixes e carnes frescas preparados de uma maneira nova e distinta. Reservas são necessárias e o dress code é smart casual.

Caicos Café é considerado um favorito dos residentes da ilha e turistas, sendo ele todo ao ar livre, em estilo deck. Eles tem uma excelente seleção de vinhos finos e a cozinha é mediterrânea, sendo uma ótima opção para um jantar romântico casual. O traje é casual.

Coyaba é um award winning cuisine com mais de 17 anos de operação, oferecendo uma cozinha caribenha contemporânea. Reservas são necessárias e o dress code é smart casual.

Mr. Grouper’s é a escolha ideal se você busca algo mais casual. Um restaurante simples aberto por restaurateur local que se orgulha da comida local de qualidade, como sua famosa garoupa incrustada de coco. Para uma noite tranquila e despretensiosa na ilha, este é o lugar. Não é necessário fazer reserva e o traje é casual.

 

LEIA TAMBÉM: LOLLA CITY GUIDE: O Melhor de Nassau, nas Bahamas – Parte 2

_

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR A NEWSLETTER EAT YOUR NUTS

Share this story

Comments Expand -
Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.