IMG 2289 1200x1500 - LOLLA CITY GUIDE: O Melhor de Nassau, nas Bahamas

Depois de 6 dias perfeitos em Turks & Caicos, partimos para Nassau nas Bahamas. Para quem leu meu primeiro post, em que conto sobre a lua de mel e a escolha do destino, já sabe que ir para Nassau foi uma escolha estratégica por ter voos fáceis para retornar à Londres (onde atualmente moro). E posso dizer que foi o destino perfeito para encerrar a lua de mel com chave de ouro. 

WHERE TO STAY

A opção de hotéis em Nassau é infinita e eu já tinha ido quando mais nova para o The Atlantis, na época considerado o melhor, porém hoje já tem 20 anos, ou seja, não está dos mais novos. Optamos pelo Rosewood Baha Mar, que é um complexo super novo na praia de Cable Beach, composto por 3 hotéis – Rosewood, SLS e Grand Hyatt. Eu sempre tive um pé atrás com resorts grandes, cheios e com muito agito, mas me surpreendi positivamente com o Rosewood. O serviço e o staff foram impecáveis, as pessoas muito amigáveis e o que eu achei mais legal é a localização, em uma praia de águas tranquilas e muito azul turquesa, sempre rodeado de muito verde.

Outro ponto muito importante foi o fato de ser tudo bem novinho e moderno, o quarto era excelente, lindo e espaçoso, com um estilo que lembra uma casa moderna das Bahamas. Imerso em uma paleta de cores serenas, tons de bege, marrom e azul, achei tudo muito elegante e sempre com arte e decoração refinada das Bahamas.

 Rosewood dá acesso a todos os outros hotéis do complexo, porém o mesmo não acontece ao contrário, por isso, também senti que ele é menos cheio. O estilo é bem ‘Las Vegas na praia’, com cassino, vários restaurantes, bares e muuuuitas piscinas. 

WHERE TO EAT

No quarto eles tem um ipad que você tem todas as informações do hotel e ainda consegue fazer reservas nos restaurantes ​​online e olha fica a dica, não deixe de reservar mesas com antecedência. Ao todo são 22 restaurantes e bares, há de tudo,  chinês, japonês, carne, mexicano, etc. Ficamos apenas 3 dias, então não consegui provar todos eles, mas se você quiser saber tudo o que tem é só clicar aqui. Abaixo eu listei como foi a minha experiência em algum deles: 

Carna By Dario Checchinium restaurante de carnes do famoso açougueiro italiano. Eu não como carne e já adianto que tem excelentes opções também – comi um caranguejo maravilhoso bem como uma lagosta que só de lembrar me dá saudade. Já para os carnívoros, como o meu marido, a carne foi considerada uma das melhores que ele já comeu na vida.

Shung Ba: restaurante chinês que gostamos demais! Adorei o Fried Rice, o spring rolls e dumplings de entrada. O espetinho de camarões gigantes estava muito bom também. 

Costa by Rosewood: tem um ambiente lindo, fica dentro do jardim do Rosewood com um lago de carpas. Comemos uma guacamole de entrada, dois tacos, um de lagosta e outro de peixe, que estavam muito saborosos. E para adoçar, optamos pelo churros. Os drinks de lá também são super criativos e saborosos.

Rosewood (by the pool): tem um lobster roll divino. Experimentamos a cerveja local Kalik (Gold ou Light) mas achamos ela bem bem fraquinha (acho que somos muito britânicos nesse sentido).

Café Boulud: é o restaurante francês e também onde o café da manhã é servido (que by the way é ótimo). Jantamos lá e eu amei os drins e as scallops. O meu marido comeu um frango também super saboroso. 

Café Matisse: no penúltimo dia estava chovendo muito e decidimos sair do complexo e ir almoçar no italiano bem recomendado, o Café Matisse. O ambiente é super hiper cool, com obras de arte e eu comi uma massa deliciosa ao pesto com burrata e camarões enormes. Já o meu marido optou por um prato com trufas que estava sensacional.

Leiam Também: LOLLA CITY GUIDE: O Melhor de Turks & Caicos, no Caribe

_

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR A NEWSLETTER EAT YOUR NUTS

by Beatriz Muroch (Eat Your Nuts)

Be Muroch é uma comunicóloga paulistana, morando em Londres, onde se dedica para sua newsletter semanal e instagram @EatYourNuts, sobre atualidades e assuntos criativos que rolam pelo mundo.

0 Comments

POST A COMMENT