Como você pede Desculpas?

je suis desole - Como você pede Desculpas?

Como você pede desculpas? Algumas pessoas não pedem nunca, elas mudam de atitude e essa é a forma delas se desculparem. Outras são sentimentais, gostam de deixar uma boa lembrança daquele momento e mandam um cartão para marcar e finalizar o assunto. Tem aquelas que são diretas e destemidas, quando viram que fizeram besteira param tudo para consertar, e às vezes correm o risco de se explicar demais – eu me encaixo nesse perfil. 

Fazendo algumas pesquisas sobre o tema, descobri que existe uma relação entre a maneira que a gente pede desculpas e a maneira que a gente ama. Esse fim-de-semana, depois de um dia leve, eu e meu marido conversamos sobre isso. O que você espera das pessoas está de acordo com o que você entrega, mas se a outra pessoa percebe o amor de um jeito diferente do seu, ela não vai entender (ou não vai agradecer) como amor. A mesma coisa funciona para as desculpas. 

Gary Chapman (autor do livro The 5 Love Languages) fala que temos cinco formas de amar ou de demonstrar afeto, que estão associadas à maneira como nos comunicamos: dando presentes, quality time (o famoso tempo “bem gasto” super discutido na maternidade atual), palavras de afirmação e carinho, fazer coisas pelos outros e através do toque físico. No mundo ideal dos relacionamentos, duas pessoas se amam da mesma forma e provavelmente vão se desculpar da mesma forma. Mas, se você não teve essa sorte, conhecer bem a outra pessoa vai te ajudar a demonstrar amor e a pedir desculpas melhor. 

Gary diz que um pedido de desculpas sincero deixa claro que você está sendo genuíno e que reconhece que deixou a outra pessoa chateada. 

Teoricamente, existem cinco formas de pedir desculpas;

The five apology languages are:

  1. Expressar arrependimento: você precisa genuinamente demonstrar que entendeu por que a outra pessoa ficou chateada e isso a gente faz repetindo o que seriam as palavras do outro.

  2. Assumir a responsabilidade: deixar claro que a responsabilidade é sua.

  3. Fazendo uma restituição: é fazer alguma coisa para consertar a besteira. Você tira o foco do erro, foca no futuro e agora todos temos algo para olhar para a frente.

  4. Genuinamente se arrependendo: essa é para quebrar hábitos negativos. É quando você quer e precisa mudar um comportamento repetitivo que está te fazendo acumular mancadas. É praticamente pedir ajuda da outra pessoa para mudar seu comportamento.

  5. Pedindo perdão: é um pouco intensa, mas algumas pessoas podem exigir isso da gente se o motivo for digno. Existe um link cultural entre perdão e religião, tamanho peso da palavra. Mas enfim, saiba identificar e como último recurso, podemos pedir perdão.

Eu foco no quanto a pessoa é importante pra mim e não muito no erro, quando eu quero consertar alguma besteira. E você, como pede desculpas?

Para ler mais sobre Gary Chapman clique aqui. 

Rosa Zaborowsky

by Rosa Zaborowsky

Editor & Founder of Lolla.

POST A COMMENT