Caldo de Vegetais

Gabriela Castelano

Uma das coisas mais importantes na minha cozinha de casa é aproveitar ao máximo os alimentos e evitar o desperdício.


Além de ser muito prático e saudável ter um bom caldo de legumes feito e congelado em casa, eu acabo aproveitando sobras e partes que normalmente descartaria em outras preparações.


Por exemplo, ao longo de uma ou duas semanas vou guardando em um saco na minha geladeira pedaços de cenoura, cebola, sobras de salsão ou partes que geralmente não uso de um alho-poró. Aí, basicamente, eu junto tudo numa panela e em pouco tempo tenho uma base super saborosa para fazer uma sopa, um risoto, cozinhar grãos e leguminosas etc.


O caldo traz profundidade de sabor aos pratos. Acho o de vegetais o mais simples e prático de todos, mas você pode fazer caldo de cogumelos, frango, peixe, carne, camarão…


Espero que gostem e incorporem essa receita no dia a dia de vocês!

Ingredientes:


2 cenouras médias descascadas e cortadas grosseiramente

1 cebola grande descascada e cortada em quatro partes

2-3 talos de salsão cortados grosseiramente

Um punhado de talos de salsinha

Topo (parte verde superior) de um alho-poró cortado grosseiramente

Tomilho fresco (opcional)

2 folhas de louro

4 cravos

Fio de azeite

3 litros de água

Modo de Preparo:


Lave bem todos os vegetais. Em uma panela grande e alta, aqueça o azeite e refogue os vegetais até “suar” (essa técnica tem esse nome - sweat the vegetables - pois se inicia um processo de cozimento sem, porém, adicionar coloração). Acrescente as ervas e especiarias. Junte a água e deixe em fogo alto até ferver.


Abaixe o fogo e deixe cozinhar com a panela parcialmente tampada por cerca de 45 minutos. Durante esse tempo, retire qualquer espuma que venha a se formar com uma escumadeira ou peneira.


Espere esfriar e coe em coador fino. Armazene em geladeira para usar dentro de 5 dias ou no congelador por até 3 meses.


Eu costumo guardar em vidros de molho de tomate e palmito. Nesse caso, lembre-se de deixar cerca de dois dedos sem líquido para o vidro não estourar com o congelamento.


Uma outra ideia prática é congelar o caldo em formas de gelo. Assim você pode usar apenas uma pequena quantidade se precisar.


Ah, se você quiser, pode aproveitar os vegetais cozidos para bater uma sopa! Pode só bater com um pouco de líquido ou incorporar outros ingredientes que vierem à sua imaginação (pedaços de carne ou frango desfiado; cubos de linguiça ou até tofu). Não tem muita regra, o importante é ficar gostoso. Se joga!

Photo by Eat Little Bird

Share this story

Comments Expand -
Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.