BEST OF 2021: A lista de Melhores do Ano da Luiza D’Arts, ASTRO writer do Lolla

Luiza Costa D'Arts
Nasci em Taubaté, interior de SP, e sempre amei a vida do interior, apesar de viver numa metrópole já há alguns anos. Ingressei no curso de Comunicação Social em Jornalismo e após 4 semestres decidi recalcular a rota, me formando em Relações Públicas. Minha formação cultural se dá em grande parte pela minha convivência na charmosa cidade de São Luiz do Paraitinga, um aconchego de 10 mil habitantes, aproximadamente, onde possuo família, amigos e muitas memórias inesquecíveis – a cidade já foi citada até pelo Times -, e Londres, cidade onde moro atualmente. Curiosa desde sempre sobre assuntos holísticos e esotéricos, em 2017 iniciei minha formação em Reiki pelo método Mikao Usui, e logo em seguida meus estudos em Astrologia. Ambos me trouxeram um profundo estado de conexão comigo mesma. Leonina com ascendente em Capricórnio, me defino como uma alma romântica, orgulhosa de suas raízes e ávida por conhecimento. Escrevo para o Lolla sobre Astrologia.

THE BEST OF 2021 da Lu

LIVRO: o que permaneceu na cabeceira esse ano foi Ayurveda and The Mind, The Healing of Consciousness, por David Frawley.
SÉRIE: tenho uma queda pelas séries britânicas. Esse ano The English Game fisgou meu coração. Curtinha, sensível e reflexiva, da mesma criadora de Downton Abbey.

Louvre, Paris.FILME: The Courier. Qualquer filme com o Benedict Cumberbatch no casting para mim é escolha boa, e esse não foi diferente. Também na expectativa de Matrix Ressurections, que por aqui (Londres) estreia no dia 22 de Dezembro.

VIAGEM: Algarve… verão europeu, natureza incrível, foi espetacular… e voltar pra Paris no outono, rever meus museus favoritos, especialmente revisitar o Louvre e descobrir o Zodiac Ceiling na Gallerie Apollon, memorável.
Comida: homemade arroz integral, lentilha, salada verde com brócolis, pure de batata, shitake ou hamburguer plant based, e tâmara pra matar a vontade de doce. (Boring =p)
CAFÉ: o charmoso Abasto na Connaught Street, pertinho do Hyde Park.
RESTAURANTE: em Londres escolho o Farmacy @farmacyuk, plant based chic e acolhedor. No Brasil, quando em visita por São Luiz do Paraitinga, recomendo A Bruxa @abruxagastropub experiência gastronômica com comida típica local e deliciosos pratos no estilo Pub Menu.
PRODUTOS DE BELEZA: esse ano descobri que quanto mais simplificada a rotina de skin care, assim como quanto mais simplificada também a fórmula do produto, melhor é a recepetividade da minha pele, que sempre foi sensível e reativa. Fico então com a Chamomile Water da Alteya Organics, o Tea Tree Cream da Helios Homeopathy,  e o SPF Primer da Charlotte Tilbury. Esse último foi uma aquisição mais recente e ainda estou avaliando se realmente é o meu SPF, porém a experiência com o produto curti muito (sem cor, sem cheiro, e a textura).
BEST BUY MODA: eu sempre amei um brechó e desde que me mudei pra Londres passei a consumir prioritariamente second hand. Uma treasure hunting é comigo mesma!  Meu vestido de casamento e alianças inclusive, são vintages. Fico com a seleção de paetês da Beyond Retro no quesito roupas, e para jóias as lojas do Alfies, onde inclusive eu e meu marido encontramos a aliança de noivado e as de casamento anos atrás.

Estudio Terra

BEST BUY DECOR: sou apaixonada pelos cocares têxteis da Thais Terra, feitos à mão no Brasil, em Taubaté, interior de SP @estudioterra.
PODCAST: The Mindset and Me by Kirsty Raynor.
DRINK: não sei se conta como drink, mas com certeza o que mais apreciei esse ano foi JD on the rocks.
MÚSICA: My City’s on Fire, Jimi Jules.
HÁBITO SAUDÁVEL: incorporar musculação na minha vida foi uma saga. Sempre amei praticar esportes mas torcia o nariz pra musculação, e esse ano virei a chave por completo, uma das minhas melhores escolhas, com certeza.
HÁBITO SUSTENTÁVEL: sou chatinha com isso, mas sem radicalismo. Em casa separo o lixo reciclado do orgânico, faço compras a granel sempre que possível, escolho a maior parte dos produtos de marcas orgânicas e sustentáveis. Também sou adepta dos clássicos escova de bambu, calcinhas absorventes… Faço a maior parte dos meus trajetos a pé ou transporte público, mas não me sinto culpada de usar o Uber vez ou outra, especialmente se estou indo ou voltando de algum evento festivo.
EXPOSIÇÃO: Van Gogh sempre me emociona. A experiência imersiva que eles montaram no Kensigton Gardens esse ano foi especial pra mim.
ARTIGO: “Você precisa da Aprovação dos Outros” da Bê Muroch pro The Lolla veio em boa hora.
SMALL BUSINESS: Fazer leitura de Mapa Astral é uma das coisas que mais amo nessa vida. Para as mystic Lollas que querem entender o significado do posicionamento dos planetas e como cada signo influencia sua vida, fica aqui a minha disponibilidade. Inbox pelo insta @luiza.lnndc

Share this story

Comments Expand -
Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.