skinimalism lolla scaled - Advice Column: Deixe sua Pele em Paz

OS ESPECIALISTAS ADVERTEM: DEIXE SUA PELE EM PAZ!

Durante esses (infinitos) meses de pandemia, pude refletir muito sobre uma questão que há algum tempo vinha me incomodando: o exagero no consumo de produtos de beleza e a real necessidade em comprarmos cada um deles. O boom dos tutoriais de makes e da k-beauty na última década certamente contribuíram para essa sensação de que nunca temos o suficiente e, ao mesmo tempo, de que estamos gastamos demais em uma infinidade de produtos que mal sabemos para que servem (e que acabam estragando no fundo da gaveta, sem sequer terem sido usados)!

skinimalism lolla 2 scaled e1613046989714 600x449 - Advice Column: Deixe sua Pele em Paz

Falando mais especificamente sobre cuidados com a pele, o fato é que a extensa rotina de beleza das sul-coreanas influenciou os países ocidentais a passarem por uma verdadeira “skincare madness”, adotando rituais diários de 10 ou às vezes até 12 etapas sem, no entanto, entender pra que tudo aquilo funcionava. Pior! Fazendo mais mal do que bem para sua pele!

Como toda tendência, essa também se aproximando do fim e conseguimos vislumbrar cada vez mais indícios de que o oposto passará a reinar: o tal do “Skinimalism”. Trata-se de um movimento que, assim como o minimalismo, prega o famoso “menos é mais” aplicado aos cuidados com a pele, com rotinas mais enxutas e funcionais. “Essa nova rotina – chique sem esforço – é muito mais simples e sustentável, além de ser fortemente influenciada pelo movimento do-it-yourself”, afirma o último report Pinterest Predicts, que aposta no Skinimalism como uma forte tendência de beleza para 2021.

Skinimalism

Veículos como o New York Times, bem como jornalistas especializados, dermatologistas e esteticistas que sigo no Instagram já vem levantando essa bandeira há um tempo, e agora parece que o grande público está começando a ouvir. Eles defendem, principalmente, que você RESPEITE A SUA PELE e, simplesmente, PARE DE EXAGERAR NOS ATIVOS. Sobretudo nos ácidos (AHA’s, BHA’s, PHA’s e afins), na limpeza agressiva e na esfoliação. Em resumo, pedem que você simplesmente deixe sua pele em paz!

Em um recente post com título “Coisas que a sua skin barrier gostaria que você soubesse” a maravilhosa (e super bem humorada) dermatologista Ranella Hirsch afirma: “A sua barreira cutânea NÃO GOSTA que você viva testando coisas novas nela! Sobretudo produtos com álcool e um monte de ácidos esfoliantes! Ela queria te falar que é totalmente inteligente e sabe se autorregular, mantendo as coisas boas dentro e as coisas ruins fora, e te protegendo de irritações e bactérias. Porém, essas tendências idiotas de super esfoliação (olá Tiktok, estou olhando pra você) simplesmente ACABAM com o equilíbrio da sua pele e com essa incrível capacidade de autorregularão, que fica seriamente comprometida!”. 

giphy - Advice Column: Deixe sua Pele em Paz

Pare de machucar a sua pele

Ranella afirma, ainda, que fica maluca quando encontra rótulos de produtos do tipo peelings com a orientação: “use 2x ao dia”. “Hello, peeling 2x por dia?? Você está louca?? Uma vez na semana já é mais do que o suficiente. Duas no máximo, se sua pele for oleosa!”. Ao invés de exagerar nos ácidos, ela e muitos outros especialistas estão implorando: apenas nutra a sua pele. Busque cleansers gentis, hidratantes ou séruns com ingredientes como glicerina, lipídios, Vitamina B5, ceramidas… E seja gentil com a sua pele, tanto nos produtos quanto no toque (você é daquelas que esfrega o algodão com tônico até a pele ficar vermelha??? POR FAVOR PARE!).

Por aqui, torço para que o Skinimalism seja realmente adotado e que inicie uma nova onda de conscientização sobre o que realmente precisamos ter e o que é exagero – sobretudo em se tratando de skincare. Sou super a favor de comprarmos poucos e bons itens de cuidados com a pele, partindo sempre de uma boa base de autoconhecimento: como é a sua pele? Do que ela precisa? O que você gostaria de melhorar em seu aspecto?

Ao entender isso (de preferência, com a ajuda de um bom dermatologista), você poderá saber mais sobre quais ingredientes e ativos que podem ajudá-la. E assim, pesquisando e se informando, além de ficar longe daquelas “modinhas do Instagram” e dos surtos com o “ingrediente-tem-que-ter” do momento, você será uma aliada da sua pele – que vai te recompensar com aquele glow natural que a gente tanto ama!

 


English version

skinimalism lolla 2 600x450 - Advice Column: Deixe sua Pele em Paz

Advice column: Leave Your Skin Alone!

During these (eternal) months of the pandemic, I was able to reflect a lot on an issue that has been bothering me for a while now: the excess on the consumption of beauty products and the real need to buy each of them. The make-up and k-beauty tutorial booms in the last decade have certainly contributed to this feeling that we never have enough and, at the same time, that we are spending too much on an infinity of products that we are not even sure what they´re for – and that end up ruined at the bottom of our drawer, without being used!

Speaking more specifically about skincare, it is a fact that the extensive beauty routine of the South Corian influenced the western countries to go through a real “skincare madness”, adopting daily rituals with ten, sometimes 12 steps, without, nevertheless, understanding what that was all for – and worst, making things even worse for their own skin.

As with all trends, this one can also see its ending approaching and we can get more and more glimpses that the opposite will start to rein: the said “Skinimalism”, a movement that, as the minimalism, preach the famous “less is more” applied to skincare, with more lean and functional routines. “This new routine ´chic with no effort´ is a lot simpler and sustainable, besides being heavily influenced by the movement ´do-it-yourself´, states the last Pinterest Predicts report, that bets on Skinimalism as a strong beauty trend for 2021.

Skinimalism

Publications like New York Times, as well as specialized journalist, dermatologist, and beauticians that I follow on Instagram, have been raising this flag for a while, and now it seems that the great public is starting to listen. They defend, overall, that you RESPECT YOUR SKIN and simply STOP EXAGGERATING ON THE ACTIVES, mainly the acids (AHA´s, BHA´s, PHA´s, and related), on the aggressive cleaning and exfoliation. In short, they ask you to simply leave your skin alone.

In a recent post with the title “Things that your skin barrier would like you to know”, the wonderful (and very good-humored) dermatologist Ranella Hirsch affirms: “Your skin barrier DOES NOT LIKE that you keep trying new things on her! Even more product with alcohol and a lot of acid exfoliants! She would like to tell you that she is totally intelligent and knows how to self-regulate, maintaining the good things inside and the bad things outside, and protecting herself from irritation and bacteria. However, these stupid trends on over-exfoliation (hello Tiktok, I see you) simply ELIMINATES with your skin balance and it ends up compromising its amazing self-regulating capability”.

giphy - Advice Column: Deixe sua Pele em Paz

Stop hurting your skin

Ranella affirms, in addition, that she goes crazy when she finds product labels for peelings that say: “use it twice a day”. “Hello!! Peeling twice a day?? Are you crazy?? Once a week is more than enough – twice at the most if you have oily skin!”. Instead of exaggerating on the acids, she and a lot of other specialists implore: just nourish your skin. Look for gentle cleansers, moisturizers, or serums with ingredients like glycerin, lipids, Vitamin B5, ceramides… and that are gentle to your skin, both in the products and in the touch (are you one of those that rub a cotton pad with the tonic until your skin gets all red?? PLEASE STOP!!!)

As for me, I hope that the Skinimalism sticks and that it starts a new wave of awareness about what we really need to have, and what it´s an exaggeration – overall in regard to skincare. I am totally in favor of buying fewer and better items to take care of our skin, starting from a good foundation of self-knowledge: how is your skin? What does it need? What would you like to make it better as for its aspect?

By understanding this (ideally with the help of a good dermatologist), you will be able to know more about the ingredients and actives that can help you. Then, by researching and informing yourself, and staying away from those “Instagram´s trends” and “must-haves” bursts, you will become your skin´s ally – and will surely be compensated with that natural glow that we love so much.

POST A COMMENT